Uma pesquisa de opinião pública realizada em todo o país, entre 4 e 8 de fevereiro, revelou que 71,2% dos brasileiros pretendem ficar em casa durante o Carnaval devido à crise sanitária da Covid-19. O estudo foi realizado pelo instituto Paraná Pesquisas, que entrevistou, por telefone, 2.156 pessoas maiores de 16 anos de 210 municípios espalhados pelo Brasil.

Conforme o levantamento, 15,5% dos entrevistados responderam que pretendem viajar durante o período. Outros 3,2% disseram que querem ir às ruas para pular Carnaval, grupo que é composto, em maioria, por pessoas entre 16 e 24 anos.

O estudo apontou ainda que 5,8% dos consultados disseram pretender fazer outra atividade a ficar em casa, viajar ou ir para as ruas. Não souberam ou não responderam representam 4,2% das pessoas ouvidas.

Segundo o instituto, a pesquisa tem grau de confiança de 95% para uma margem estimada de erro de aproximadamente 2% para os resultados gerais. Nas análises das questões por localidade, a confiabilidade atinge 95%, com margem de erro de 3,5% para a região Sudeste; 4% para o Nordeste; 5,5% para Norte e Centro-Oeste; e 5,5% para o Sul.

A amostra é representativa dos moradores das áreas pesquisadas e foi selecionada em duas etapas. Na primeira, realizou-se um sorteio dos municípios onde as entrevistas foram realizadas através do método Probabilidade Proporcional ao Tamanho (PPT). Na segunda, a seleção dos entrevistados foi feita utilizando-se as variáveis de sexo, faixa etária, escolaridade e nível econômico.

Leia mais:

Estado anuncia reforço da fiscalização para evitar Carnaval às escondidas
BR-040 inicia nesta sexta-feira operação especial de Carnaval; confira
Comércio poderá funcionar durante o Carnaval em BH; confira regras e horários