Pelo menos 124 crianças e adolescentes já morreram após contrair a Covid-19 em Minas, desde o início da pandemia, em março de 2020. O último óbito é de um jovem na faixa etária de 1 a 9 anos - a idade exata não foi informada. O dado está no boletim epidemiológico divulgado nesta quinta-feira (29) pela Secretaria Estadual de Saúde (SES). 

O documento informa que, até o momento, são 36 óbitos de bebês com menos de 1 ano, 33 de crianças de 1 a 9 anos e 55 dos que têm de 10 a 19. As mortes fazem parte das mais de 50 mil já ocorridas no território mineiro. Nas últimas 24 horas, 166 foram confirmadas.

O balanço da SES também atualizou o número de casos do coronavírus no Estado. Em um dia, foram 5.668 notificações. No total, mais de 1,9 milhão de mineiros foram contaminados.

Deste total, mais de 1,8 milhão de pessoas estão recuperadas. Outras 56.954 seguem em observação, internadas ou em isolamento social.

Imunização

Desde o início da campanha de vacinação, em janeiro deste ano, mais de 9,6 milhões de pessoas receberam a primeira dose contra a Covid-19 em Minas. Deste grupo, mais de 3,3 milhões tomaram o reforço.

Outros 367.273 receberam a dose única, da Janssen. Para todo o Estado, o Ministério da Saúde disponibilizou 16,6 milhões de imunizantes.

Leia mais:
Minas registra 166 óbitos e 5,6 mil casos da Covid-19 em 24 horas
Anvisa alerta sobre casos raros de Guillain-Barré após vacinação contra Covid
Três a cada 4 óbitos por Covid foram registrados em menos de 7 meses em Minas