Engenheiros podem concorrer a 200 vagas para trabalhar no Google; veja como se inscrever

Da Redação
portal@hojeemdia.com.br
24/01/2022 às 13:43.
Atualizado em 26/01/2022 às 00:13
 (Divulgação )

(Divulgação )

Dobrar o número de profissionais da Engenharia no Brasil. Essa é a meta do Google, que anunciou nesta segunda-feira (24) planos para contratar mais 200 engenheiros até o fim de 2023. Atualmente, outros 200 já estão na empresa. Os selecionados poderão atuar em Belo Horizonte e São Paulo, além de trabalho 100% remoto. 

As candidaturas podem ser feitas no site do Google Carreiras.  As posições presenciais adotarão o modelo híbrido, com três dias no escritório e dois dias remotamente. No entanto, podem ocorrer variações conforme a área de negócio ou necessidades da função. 

Algumas dessas novas vagas já estão abertas e atendem áreas consideradas essenciais pela empresa, como privacidade e segurança de dados, entre outras. Além disso, o Google quer aumentar a representatividade da força de trabalho, oferecendo canais dedicados para incentivar inscrições de pessoas negras. 

"A expansão da força de Engenharia e a iniciativa de canais voltados à inscrição de pessoas negras são exemplos concretos do nosso compromisso contínuo com o desenvolvimento do país. Hoje, o Brasil é um dos mercados mais importantes para nós, aparecendo entre os ‘top 5’ na lista dos nove produtos da empresa com mais de um bilhão de usuários”, afirma o presidente do Google Brasil, Fabio Coelho.

Inscrição
Para conhecer as vagas abertas, basta clicar na aba Jobs localizada na parte superior da página inicial do site Google Carreiras. Pelo canto esquerdo da tela, é possível aplicar filtros como habilidades e qualificações, nível de experiência e título da vaga, assim como pesquisar por palavras-chave, como Software Engineering (Engenharia de Software, na tradução livre). 

A candidatura deverá ser feita na própria página, clicando no título da vaga e, em seguida, no botão Apply' (Aplicar, na tradução livre).  Neste momento, estão abertas vagas para profissionais de engenharia da computação em diferentes níveis. 

Com relação à comunidade negra, o processo é o mesmo: basta visitar a página de Carreiras da empresa e buscar por vagas identificadas com o complemento Black Community Inclusion (Inclusão da Comunidade Negra, na tradução livre). A iniciativa começou a ser testada no fim do ano passado com posições na área de Engenharia de Software. Ao longo de 2022, mais oportunidades focadas em pessoas negras serão abertas gradualmente nas áreas de tecnologia e de negócios.

Leia mais:

Compartilhar
Ediminas S/A Jornal Hoje em Dia.© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por