O governo de Minas disponibilizou, ao longo da semana, 127.955 unidades de medicamentos usados em intubação para 80 unidades hospitalares, em 63 municípios. Os insumos recebidos foram midazolam, diazepam, fentanil, propofol e atracúrio. 

Conhecido como kit intubação, os remédios são das classes de bloqueadores neuromusculares, sedativos e analgésicos. O uso é necessário para garantir que o paciente não sinta dor durante o processo de intubação, que é realizado em quadros graves da Covid-19, quando há complicações respiratórias. 

Os insumos são distribuídos conforme os estoques de cada unidade hospitalar, a partir de um monitoramento semanal de autodeclaração. 

*Com informações da Agência Minas

Leia mais:

Morador do Leste de Minas pode ser 1º caso de transmissão comunitária da Delta no Estado
Covid: BH vai vacinar moradores de 31 e 32 anos e antecipa aplicação nas mulheres com 33; veja datas
Minas recebe mais 784 mil doses de vacinas contra Covid-19 nesta sexta-feira