Um prédio de quatro andares em construção desabou nesse domingo (7), na rua Regência, no Aglomerado da Serra, na região Centro-Sul de Belo Horizonte. Segundo o Corpo de Bombeiros, o imóvel apresentou trincas e rachaduras e começou a inclinar após as fortes chuvas de ontem. Não houve vítimas.

Conforme a corporação, os militares foram acionados por volta da 0h30 desta segunda-feira (8) para prestar socorro aos moradores do entorno da edificação. Testemunhas informaram que já estavam vendo pedras e pequenas partes construtivas caírem por volta das 21h40 de domingo.

Por conta das avarias na estrutura, o prédio acabou desmoronando. Segundo a Defesa Civil, trata-se de uma construção irregular. Três casas foram atingidas pelos escombros. 

“A Defesa Civil esteve no local e constatou o colapso estrutural de imóvel em construção com quatro pavimentos que atingiu, com escombros, outros três imóveis (que estão interditados pelo risco de novos colapsos)”, afirmou o órgão. 

Outras 13 residências foram obstruídas devido ao desabamento. Cerca de 30 moradores que estavam isolados foram resgatados pelo Corpo de Bombeiros e encaminhados para casas de vizinhos e parentes. A prefeitura enviará uma equipe para tomar as devidas providências em relação à obstrução do local.

Acumulado de chuva

Segundo a Defesa Civil, em 24 horas, foram registrados 212,2 mm de água da chuva na regional Centro-Sul, equivalente a 117% do volume esperado para todo o mês de fevereiro. Nos oito dias, já foram computados 286,8 mm de precipitações na região, marca muito superior à média histórica do período, que é de 181,4 mm.

Por conta do grande volume de água, o órgão emitiu um comunicado na noite de domingo chamando a atenção sobre risco geológico em todas as regionais de BH até terça-feira (9). Recomenda-se atenção no grau de saturação do solo e nos sinais construtivos.

Segundo o órgão, os moradores devem ficar atentos aos sinais de que os deslizamentos podem acontecer. Os principais são trincas nas paredes, água empoçando no quintal, portas e janelas emperrando, rachaduras no solo, água minando da base do barranco e inclinação de poste ou árvores. Veja as recomendações:
⠀⠀⠀
- Coloque calha no telhado da sua casa
- Conserte vazamentos em reservatórios e caixas-d'água
- Não jogue lixo ou entulho na encosta
- Não despeje esgoto nos barrancos
- Não faça queimadas

Leia mais:

Após serem atingidos por enchente, moradores do entorno da Estação São Gabriel fecham a Via 240
Tempo chuvoso deve continuar em BH ao longo da semana, mas com menor intensidade; veja a previsão