Prefeitura de BH conclui 72% das obras de recuperação em locais atingidos por chuvas

Rosiane Cunha
rmcunha@hojeemdia.com.br
27/02/2020 às 18:50.
Atualizado em 27/10/2021 às 02:46
 (Cinthya Oliveira)

(Cinthya Oliveira)

A Prefeitura de Belo Horizonte informou nesta quinta-feira (27) que já concluiu 160 das 221 https://www.hojeemdia.com.br/horizontes/bh-vai-levar-at%C3%A9-quatro-meses-para-reconstruir-1-500-pontos-devastados-pela-chuva-1.772880 pelos temporais que assolaram a capital em janeiro deste ano, o que representa 72% do total de obras emergenciais previstas. Dentre as ações realizadas estão restabelecimento de pavimentação, recuperação de vias, praças e canteiros, contenções, desobstrução das redes de drenagem, implantação de sarjeta, limpeza e desobstrução de bocas-de-lobo e bacias.

Os serviços estão sendo executados pela Superintendência de Desenvolvimento da Capital (Sudecap) nas nove regionais. Outras 48 intervenções foram incluídas no planejamento de recuperação da cidade. Destas, 10 já foram iniciadas e 38 estão programadas para começar nas próximas semanas, aumentando o número total de ações para 269.

Segundo o superintendente da Sudecap, Henrique Castilho, foram priorizadas as ações que não dependiam de elaboração de projetos. "Enquanto um mutirão trabalha nas ruas, parte da equipe da Sudecap trabalha mapeando e preparando as etapas necessárias para as intervenções que demandam obras mais complexas. A nossa intenção é deixar a cidade com as condições mínimas de mobilidade restabelecidas o quanto antes”.

Janeiro de 2020 foi o mais chuvoso da história da cidade desde o início da medição climatológica há 110 anos, segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet). https://www.hojeemdia.com.br/horizontes/bh-vai-levar-at%C3%A9-quatro-meses-para-reconstruir-1-500-pontos-devastados-pela-chuva-1.772880 A Defesa Civil Estadual confirmou 13 mortes. Cinco eram integrantes de uma mesma família, que morreram após desabamento de casa no bairro https://www.hojeemdia.com.br/horizontes/cidades/fam%C3%ADlia-que-morreu-no-jardim-alvorada-voltou-para-casa-ap%C3%B3s-ser-retirada-pela-defesa-civil-1.769079, na Região da Pampulha.

Veja alguns dos trabalhos concluídos nas nove regionais:

Barreiro
- Rua Alcindo Vieira, 60, Barreiro.
- Rua Amílcar Quintela, Diamante.

Oeste
- Avenida Silva Lobo, 760.
- Avenida Barão Homem de Melo, 23.

Pampulha
- Avenida Sebastião de Brito (toda extensão).

Norte 
- Avenida Risoleta Neves (ao lado da estação 1° de Maio).
- Rua Sacramentina, 211, Planalto.

Noroeste
- Rua Passa Quatro, 498, Caiçara.
- Rua Osmário Soares, 73, Dom Bosco.

Nordeste
- Rua Geraldo Barreto Maia, esquina com rua Paranavaí, 323, Ribeiro de Abreu.
- Ruas dos Moreiras, Beija-Flor.

Venda Nova
- Avenida Vilarinho, esquina com Doutor Álvaro Camargos.
- Rua Ana Alvarenga, 321, Céu Azul.

Leste
- Avenida dos Andradas entre rua Itaguá e Ponte Caetano Furquim, Santa Efigênia.
- Rua Conde D’Eu, Vera Cruz.

Centro-Sul
- Rua Patagônia com Groenlândia, Sion.
- Avenida Prudente de Morais.
- Rua Curitiba esquina com Santos Dumont.

Compartilhar
Ediminas S/A Jornal Hoje em Dia.© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por