Crime Ambiental

Homem é preso no Centro de BH suspeito de vender orquídeas colhidas sem autorização ambiental

Da Redação
portal@hojeemdia.com.br
04/03/2022 às 15:12.
Atualizado em 04/03/2022 às 15:14
Orquídeas apreendidas no Centro de BH (Foto: PBH/ Divulgação)

Orquídeas apreendidas no Centro de BH (Foto: PBH/ Divulgação)

Um homem de 39 anos foi preso na tarde dessa quinta-feira (3) suspeito de vender orquídeas sem autorização ambiental na rua Curitiba, Centro de Belo Horizonte. Abordado pela Guarda Civil Municipal, ele confessou ter retirado as flores da natureza.

As orquídeas foram colhidas na Serra do Cipó sem qualquer tipo de autorização. As flores, junto com o suspeito, foram encaminhadas para a Delegacia de Crimes Ambientais da Polícia Civil.

O homem foi autuado pela Lei Federal 9.605/98, conhecida como Lei de Crimes Ambientais. Ela estabelece que destruir ou danificar vegetação primária ou secundária, em estágio avançado ou médio de regeneração, do bioma Mata Atlântica, é crime punível com detenção de um a três anos, ou multa, ou ambas as penas cumulativamente.

Guarda Municipal abordando homem suspeito de colher orquídeas sem autorização ambiental (Foto: PBH/ Divulgação)

Guarda Municipal abordando homem suspeito de colher orquídeas sem autorização ambiental (Foto: PBH/ Divulgação)

  

Compartilhar
Ediminas S/A Jornal Hoje em Dia.© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por