Eleições 2022

'Cabe ao PSDB decidir', afirma Zema sobre convite ao jornalista Eduardo Costa para ser vice

Jader Xavier
@ojaderxavierjsbarbosa@hojeemdia.com.br
22/06/2022 às 17:33.
Atualizado em 22/06/2022 às 17:38

O governador Romeu Zema (Novo) afirmou que a decisão de ter ou não o jornalista e apresentador Eduardo Costa como seu vice cabe ao PSDB, já que o comunicador é filiado ao partido tucano. A fala aconteceu nesta quarta-feira (22), durante a cerimônia de entrega da sede definitiva da Academia dos Bombeiros, na região da Pampulha, em BH.

É a primeira vez que Zema comenta sobre o convite feito a Eduardo Costa. Nesta semana, o apresentador da rádio Itatiaia confirmou ter sido convidado para ser vice-governador na chapa que tenta a reeleição do governador nas eleições de outubro deste ano.

"Depende muito mais da outra parte. Nós respeitamos a decisão do PSDB, não queremos interferir em questões de outro partido. Já temos as nossas, onde há opiniões divergentes, o que é produtivo, é bom", afirmou Romeu Zema.

Durante a fala, o governador aproveitou para elogiar o partido tucano. "Eu vejo o PSDB com muito respeito, inclusive o meu (atual) vice-governador, Paulo Brant, pertence ao partido. O PSDB é grande e forte, particularmente em Minas Gerais. E nós vamos acatar a decisão partidária".

Convite
Eduardo Costa afirmou, nas redes sociais, estar surpreso com o convite para ser vice na chapa de Zema. No entanto, ele disse estar "propenso a aceitar o desafio", mas que conversas políticas e outros entendimentos ainda são necessários para avaliar se ele aceita ou não.

"Foi só um convite, isso demanda uma série de conversas e entendimentos para ver se vai ou não. Em princípio, eu disse que vou pensar, pegar com Deus e pensar", explicou o jornalista.

Ainda conforme o apresentador, ele já preparava uma pausa na carreira de jornalista por entender que já cumpriu seu ciclo na profissão. "Eu já cumpri o meu ciclo. Tenho 66 anos e 45 só de jornalismo", afirmou.

Mas na última segunda-feira (19), o PSDB divulgou nota destacando que é majoritário na Federação Partidária que inclui o partido Cidadania e que não vai abrir mão de uma candidatura própria ao governo de Minas.

Leia Mais

Compartilhar
Ediminas S/A Jornal Hoje em Dia.© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por