Atlético joga mal, perde para o Flamengo, e distância para o Rubro-Negro no Brasileirão diminui

Lucas Borges
@lucaslborges91
30/10/2021 às 21:03.
Atualizado em 05/12/2021 às 06:09
 ( Pedro Souza / Atlético)

( Pedro Souza / Atlético)

No jogo mais esperado do Campeonato Brasileiro até o momento, o Flamengo levou a melhor. Em um duelo muito disputado, o Rubro-Negro venceu o Atlético por 1 a 0, neste sábado (30), no Maracanã, pela 29ª rodada do Campeonato Brasileiro.

O gol da partida foi marcado por Michael, aos 24 minutos do primeiro tempo, após uma boa trama do ataque dos donos da casa.

Com o resultado, o Galo permanece com 59 pontos, na liderança da competição, mas viu o Fla diminuir a distância.

Vitorioso no confronto deste sábado, o Rubro-Negro chegou aos 49 pontos e com dois jogos a menos que o Alvinegro.

Palmeiras, também com 49 pontos, e Fortaleza, com 48 – ambos com 28 jogos -, também podem diminuir a diferença para o Galo, caso vençam América e Grêmio, respectivamente.

O time comandado pelo técnico Cuca volta a campo na próxima quarta-feira (3), para encarar o Grêmio, às 21h, no Mineirão, em duelo atrasado da 19ª do Brasileirão. 

No dia anterior, também em confronto pendende, o Fla visita o Athetico-PR, às 16h, na Arena da Baixada, em jogo válido pela quarta rodada da Série A. 

O jogo

Pressionado pelos recentes resultados ruins, o Flamengo iniciou a partida tentando tomar a iniciativa das jogadas.

Apesar de ter exigido uma boa defesa de Diego Alves, após cabeçada de Alonso, aos 15 minutos, o Atlético pouco produziu no primeiro tempo. 

Mais incisivo em campo, o Rubro-Negro chegou ao seu gol aos 24 minutos, após boa trama do ataque, que começou com o lateral-direito Isla, passou por Bruno Henrique, que resvalou de cabeça para Michael, que bateu com categoria na saída de Everson.

Segundo tempo

Com Diego Costa na vaga de Guga logo de início, o Atlético tentou mudar o panorama da partida no segundo tempo, mas não obteve sucesso.

As saídas de Zaracho e Nacho Fernández deixaram o Galo sem criatividade, com dificuldades na criação das jogadas.

Mesmo com quatro atacantes em campo, foi de Guilherme Arana a melhor chance dos visitantes na segunda etapa. Aos 11 minutos, o camisa 13 aproveitou cruzamento na da direita e cabeceou no travessão.

Nos acréscimos, o Fla quase ampliou com Rodinei, que acertou uma bola na trave, após rápido contra-ataque.

FICHA TÉCNICA

FLAMENGO 1 X 0 ATLÉTICO

FLAMENGO

Diego Alves; Isla, Gustavo Henrique, Léo Pereira e Ramon (Renê); Willian Arão, Andreas Pereira, Everton Ribeiro (Rodinei) e Michael (Thiago Maia); Bruno Henrique (Vitinho) e Gabriel Barbosa (Bruno Viana).
Técnico: Renato Gaúcho

ATLÉTICO
Everson; Guga (Diego Costa), Nathan Silva, Junior Alonso e Guilherme Arana; Allan (Nathan), Jair, Zaracho (Mariano) e Nacho Fernández (Savarino); Hulk e Keno (Vargas)
Técnico: Cuca

DATA: 30 de outubro de 2021 (sábado)
LOCAL: Maracanã
CIDADE: Rio de Janeiro
MOTIVO: 29ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro
ARBITRAGEM: Anderson Daronco (FIFA), auxiliado por Rafael da Silva Alves (FIFA) e Michael Stanislau, todos do Rio Grande do Sul
VAR: Daniel Nobre Bins (VAR-FIFA), do Rio Grande do Sul
CARTÕES AMARELOS: Everton Ribeiro, Bruno Henrique e Diego Alves (Flamengo); Guga e Nathan Silva (Atlético)
GOL: Michael aos 24 minutos do primeiro tempo
RENDA: R$ 1.323.560
PÚBLICO: 23.594 pagantes

Compartilhar
Ediminas S/A Jornal Hoje em Dia.© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por