Em quatro partidas disputadas pelo Atlético, Diego Costa saiu do banco de reservas em três, foi titular nesse sábado (18), nos 3 a 0 sobre o Sport, no Mineirão, e já soma dois gols com a camisa alvinegra. Além disso, esboça uma parceria de sucesso com Hulk, situação comentada pelo técnico Cuca.

"(Hulk e Diego) jogaram bem, se movimentaram bem. Tem uma evolução a acontecer, com certeza. E a possibilidade de mudança deles jogarem, principalmente o Hulk, que pode ser utilizado no lado do campo. Estou muito satisfeito com os dois e a equipe em geral", afirmou.

Apesar disso, o comandante segue com o discurso de cautela. "O Diego ficou sete meses sem jogar, está treinando há um mês com a gente e requer cuidado. É um jogador de explosão, de luta, e essas dores musculares aparecem. Temos que tomar muito cuidado com isso", disse.

Atlético

Cuca aprova parceria de Hulk e Diego Costa

E destacou o desafio de escalar o time daqui para frente, com tantas opções de qualidade no elenco. Nesse sábado, por exemplo, Vargas, que vinha sendo titular e começou como suplente, saiu do banco de reservas e marcou o último gol sobre o Sport.

"É bom que (os reservas) entraram bem; ganhamos opções. Os jogadores vão competindo um com o outro, sabendo da amizade que têm. Isso faz o grupo se elevar. Com qualquer um que eu venha a colocar em campo, estarei meio certo e meio errado. Isso que é bom dentro do elenco", declarou.

Leia mais:
Por questão contratual e suspensão, Tchê Tchê desfalca o Galo contra o São Paulo
Em 200º jogo pelo Atlético, Cuca ganha de presente sua 112ª vitória no comando do Galo
Titular alvinegro pela 1ª vez, Diego Costa marca o 200º gol do Galo na história do Novo Mineirão