Sonhos, desafios, reverência a Ronaldo e 'Bombonera mineira': a apresentação de Zárate no América

Thiago Prata
@ThiagoPrata7
03/09/2021 às 15:51.
Atualizado em 05/12/2021 às 05:48
 (Reprodução/YouTube)

(Reprodução/YouTube)

De homenagem a Ronaldo Fenômeno, passando pelo sonho de levar o América à Copa Sul-Americana, até comparações do Independência com La Bombonera: não faltou assunto, nem pitadas de bom humor, durante a apresentação de Zárate nesta sexta-feira (3), no Horto. E juntamente com a promessa de muito empenho dentro de campo, o argentino garante que vai estar 100% preparado em uma semana.

Sem jogar há cerca de quatro meses e restando três para o fim do Campeonato Brasileiro, o atacante prevê sua estreia para o dia 11 de setembro, contra o Athletico-PR, às 16h, no Indepa.

"Eu estava treinando num clube da minha cidade, esperando para qual clube eu iria. Farei meu melhor como sempre fiz. Espero que, no fim do ano, estejamos na Primeira Divisão e, por que não, numa competição internacional”, declarou o novo reforço alviverde.

Bombonera mineira

Zárate mal vê a hora de disputar sua primeira partida oficial pelo América no Independência, estádio que, na visão dele, se assemelha a La Bombonera, onde várias jogou com a camisa do Boca Juniors.

“Parece bastante”, sintetizou para, em seguida, tecer um comentário cômico. “Só está faltando fecharem aquela parte ali, vão que trabalhar para tapar”, disse, em meio a risos, referindo-se ao formato em “U” do estádio.Reprodução/YouTube

Fenômeno

Zárate vai utilizar o número 99, uma homenagem a um craque da história do futebol brasileiro. "Meu ídolo é Ronaldo, e ele usou a ‘9’ no Milan. É uma pequena homenagem a ele. Para mim, foi um dos melhores do futebol mundial", disse.

O uniforme, aliás, chegou às mãos do hermano por meio de um drone nesta sexta-feira.

Escolha

Durante a entrevista, o atacante revelou ainda que as conversas com o técnico Vagner Mancini foram cruciais para escolher o América como seu novo clube.

"É um lindo desafio, sempre gostei do futebol brasileiro, e estar aqui é um lindo passo. Foi importante conversar com o treinador para me decidir pelo América", comentou ele, sem revelar o teor do papo com o comandante.

O coordenador de futebol clube-empresa, Marcus Salum, brincou dizendo que o Coelho precisou "diminuir" o salário do avante para obter êxito na negociação.

Elenco

Além disso, o atacante teceu elogios ao elenco americano. "Creio que há muito material para que a equipe sonhe em permanecer na Primeira Divisão e entre numa copa. O sonho é de todos", destacou Zárate, considerado por Marcus Salum como “a contratação mais importante da história recente do América".

Compartilhar
Ediminas S/A Jornal Hoje em Dia.© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por